ItaliaCast #15 | Dia dos Namorados na Itália | A Visita do Vigile Urbano

Dia dos Namorados na Itália

La luna guardò il sole e disse: “Ti amo!”.  Il sole arrossì, e nacque il tramonto. (A lua olhou para o sol e disse: “Te amo”. O sol ficou vermelho e nasceu o pôr do sol.)

Ahhhhh o amor, os italianos são apaixonados, românticos, assim como a língua italiana é uma das mais românticas do mundo, por isso a Itália inspira tanto o amor…

No quadro “Enquanto isso na Itália” o tema é o Giorno di San Valentino, o dia dos namorados na Itália!

Você sabe por que o dia dos namorados na Itália é comemorado no dia 14 de fevereiro?

E no quadro Cidadania Italiana, Sim! 

A figura mais esperada e temida nos processos de cidadania italiana na Itália, o vigile municipale ou urbano!!!

Quem nunca ouviu a pergunta: “Quanto tempo o vigile demora pra passar?

O que devo fazer ou falar quando ele passar? E se ele passar e eu não ouvir, o que será de mim? E se ele perguntar alguma coisa que eu não sei?”

Muita calma nessa hora! Ele é um funcionário público italiano, não um carrasco contratado para te atormentar!

Vamos conversar e mudar esse pensamento aqui de uma vez por todas!

Fabio Barbiero dá várias dicas e uma que você só encontrará aqui: o kit vigile!

Quer saber o que é? Leia até o final!

QUIZ 

O que é dia do Onomástico na Itália?

Isso é muito conhecido na Itália, que é um país extremamente católico.

Alternativas:

  • a) É um Santo muito venerado na Itália
  • b)    É o dia de um santo e todas as pessoas que tem o mesmo nome do santo
  • c)  É o dia de todos os santos italianos

A Itália sempre foi conhecida por ser um país de Santos.

Para se ter uma idéia, na Itália existem 296 santos e não param de canonizar e reconhecer novos beatos de lá e do mundo todo.

Pra você entender um pouco desse universo:

Canonização pode-se dizer que é o termo utilizado pela Igreja Católica para atribuir o estatuto de Santo a alguém que já era Beato e sujeito à beatificação.

Para tornar-se beato, é necessária a comprovação de um milagre que aconteceu por sua intercessão.

Esta condição é dispensada em caso de martírio.

Uma vez atingida a condição de beato, procede-se o processo de canonização.

Canonização é a confirmação final da Santa Sé para que um Beato seja declarado Santo.

Só o Papa tem a autoridade de conceder o estatuto de Santo.

No Vaticano existe até um prefeito para esses assuntos desde 1969, o prefeito da Congregação das Causas do Santos.

Em 2019 foram incorporados à Igreja universal cinco novos Santos e foram celebradas 15 cerimônias de Beatificação, algumas das quais de grupos de mártires.

Em 50 anos da Congregação das Causas do Santos, houve um intenso trabalho para tornar o reconhecimento de novos santos, beatos, e mártires um “direito universal”, sem  limites geográficos nem limites de idade.

Foi o Papa João Paulo II quem fez as principais alterações para a prática da beatificação no Vaticano, sendo um dos papas que mais beatificou e canonizou pessoas do que todos seus antecessores.

Até novembro de 2004 ele somou um total de 1340 beatificações e 470 canonizações desde que foi eleito, em 1978.

Entre os novos Santos, de fato, há sacerdotes perigosos, jovens revolucionários, mães que sacrificam as próprias vidas para dar à luz a um filho, cônjuges fecundos, enfim, uma infinidade de perfis que a gente nem imagina.

Agora que você já sabe um pouco sobre esse assunto tão comentado e valorizado na Itália, confira a resposta no final.

DIA DOS NAMORADOS NA ITÁLIA

Dia dos Namorados na Itália

A origem do dia de San Valentino como outras datas tema ver com o objetivo da igreja católica de cristianizar o ritual pagão da fertilidade.

Para os antigos romanos, fevereiro era a época de preparação para o período do renascimento.

As festas em homenagem a Luperco, entidade protetora dos campos e dos rebanhos, ocorriam no dia 15 de fevereiro, cinco semanas antes do início da primavera.

Dessa forma, a fim de substituir as comemorações libertinas, o papa Gelasio, no final do século 5, acolheu as lendas sobre San Valentino e instituiu sua celebração em 14 de fevereiro, extinguindo as festas lupercais e apropriando-se da sua tradição.

Entre as muitas lendas que surgiram ao longo dos séculos, destaca-se a de um casal de jovens que estava brigando quando foram abordados por San Valentino, que entregou-lhes uma rosa com um poder mágico, a rosa da reconciliação, e oficializou-lhes a união tempos depois.

Dia dos Namorados na Itália

A San Valentino, também foram atribuídos os matrimônios realizados durante o governo do imperador Cláudio II, que havia proibido o sacramento no seu reino com o objetivo de formar um grande e poderoso exército, pois acreditava que os jovens sem família alistavam-se com mais facilidade.

Ele teria sido o primeiro a realizar o casamento de um pagão e uma cristã.

Por ter realizado estes casamentos sem o consentimento da Igreja, San Valentino foi preso e condenado a morte.

Enquanto estava preso, o sacerdote apaixonou-se perdidamente pela filha cega de um de seus carcereiros que, sob o efeito da paixão, recuperou a visão milagrosamente.

O Santo foi decapitado em Roma no dia 14 de fevereiro de 273 Depois de Cristo.

A versão moderna sobre a festa moderna de dia dos namorados é bem mais recente e seria uma referência às cartas de amor escritas por Carlo d’Orleans no século 15 quando era prisioneiro na torre de Londres.

O lado comercial nasce em meados do século 19 e vem dos Estados Unidos: é daqui que “Valentine” se transforma em um business.

No Brasil, a data apresenta uma história bem diferente, pois está relacionada ao frei português Fernando de Bulhões, que morreu em Padova e foi chamado de Santo Antônio de Padova.

Em suas pregações religiosas, o frei sempre destacava a importância do amor e do casamento.

Em função de suas mensagens, depois de ser canonizado, ganhou a fama de “santo casamenteiro”.

Bom, voltando à Itália, os casais apaixonados fazem exatamente como no Brasil: vão jantar fora juntos, trocam presentes e juras de amor.

No dia 14 de fevereiro os restaurantes da Itália costumam lotar: os mais românticos recebem os casais apaixonados; os mais casuais recebem grupos de amigos que resolveram festejar juntos neste dia.

Ao contrário do que ocorre no Brasil, o dia de San Valentino não é comemorado apenas com os namorados ou namoradas.

Na Itália também é festejado com as pessoas que amamos – como familiares e amigos também.

É comum trocar mensagens com amigos do tipo “auguri di san valentino, ti voglio bene” ou “amico mio, buon san valentino” juntamente com alguma lembrancinha, como por exemplo um bombom ou chocolatinho.

Dia dos Namorados na Itália

Por isso se você for jantar fora na Itália no dia 14 de fevereiro é sempre recomendável fazer reserva com antecedência!

Uma dica interessante para os turistas pode ser a visita a Basilica di San Valentino, que é um dos monumentos religiosos da cidade de Terni, na Umbria.

Dia dos Namorados na Itália

Os restos do mártir San Valentino foram enterrados em uma colina em Terni.

Posteriormente seria construída ali a Basilica di San Valentino no IV século.

Atualmente as relíquias do santo estão expostas na igreja, onde em uma estátua de prata está escrito “San Valentino patrono dell’amore”.

Dia dos Namorados na Itália

O programa turístico pode continuar em Vico del Gargano (Provincia di Foggia) onde diz a lenda que existe uma poção do amor a base de laranja capaz de fazer cair de amores quem toma apenas alguns goles.

E para terminar, uma visitinha ao Vicolo del Bacio, que tem 30 metros de altura e cerca de 50 cm de largura, onde os casais devem passar grudadinhos pela estreita passagem.

Sem falar que na Itália o que não falta são lugares mágicos para celebrar o amor.

Outro lugar que tem super a ver com o tema é em Verona, na Casa di Giulietta, enfim, não faltam histórias e rituais lá para se comemorar l'amore.

De fato, nunca houve provas que confirmassem a existência de San Valentino.

Por falta de provas reais, a data não é mais celebrada pela igreja católica.

Não se sabe exatamente se essa história é verdade ou mito, mas a maioria prefere acreditar nessa versão que é bem mais encantadora.

Os mais apaixonados e românticos podem comemorar o dia dos namorados na Itália em 14 de fevereiro e depois o dia dos namorados no Brasil, em 12 de junho.

Independente da data, comemore esse dia com quem você ama, quer seja um parceiro, familiares ou amigos.

Buon San Valentino!

O VIGILE URBANO NO PROCESSO DA CIDADANIA ITALIANA NA ITÁLIA

vigile

Chegou o dia de falarmos sobre ele, o vigile!

Quem é, sua função, em quanto tempo passa, kit vigile, o que fazer ou falar quando ele passar….

Vamos lá!

O vigile municipale nada mais é do que um guarda municipal.

“Como assim?”

Sim, gente! Ele é um guarda municipal, um funcionário da prefeitura, assim como temos no Brasil, também!

Sabe aqueles que fazem ronda, ou cuidam de algum prédio, possuem postos em lugares públicos da cidade?

Então, na Itália ele é chamado de vigile municipale, ou vigile urbano.

Não confundam com policial militar ou policial civil, ok?!

São funções diferentes.

Aliás, aqui queremos desmistificar uma coisa: não é o vigile quem vai te “dar” a residência; o vigile tem a função de confirmar a sua residência, checar as informações que você deu ao fazer o seu pedido de Iscrizione Anagrafica.

Falamos sobre isso nos episódios do Italiacast 13 e 14 (links abaixo)!

Então, fica a dica: primeiro tente entender o que é a residência na Itália e as duas condições para obter a residência para obtê-la.

Recapitulando: você tem que fazer sua inscrição na lista da população residente na cidade (comune).

Ao receber o seu pedido, o funcionário colocará os seus dados no sistema e te informará que você deve aguardar a visita de um guarda municipal, ou seja, o vigile, na casa ou apartamento onde você comunicou que está morando!

É sempre importante lembrar que, na Itália, para ter acesso aos serviços que uma prefeitura oferece aos cidadãos, é necessário ser residente.

Por isso o conceito de residência lá é muito importante.

E ser residente significa estar inscrito no cadastro da cidade.

Os que residem na Itália estão inscritos no A.P.R. – Anagrafe della Popolazione Residente, junto ao Comune da cidade de residência.

Somente para conhecimento: os italianos que residem no Exterior estão inscritos no A.P.R. do último Comune de Residência na Itália, com extensão do Cadastro no A.I.R.E. – Anagrafe Italiani Residenti nell'Estero, junto ao Consulado Italiano que “jurisdiciona” o endereço residencial no Exterior.

E reforçando: a residência é tão importante que eles mandam um guarda (o vigile) passar para averiguar se o imóvel que você declarou que vive está tem condições de habitabilidade, se você vive lá e como, com quem.

Também falamos sobre isso nos Episódios anteriores.

O vigile precisa averiguar duas coisas, basicamente:

1)    se você efetivamente vive ali, então ele vai passar e precisa te encontrar no imóvel!

2)    verificar se o imóvel tem condições de habitabilidade, ou seja, se não é superlotado, se não é muito pequeno, se está tudo funcionando, enfim, se está dentro dos critérios de habitabilidade do comune.

DICA ÚTIL: O KIT VIGILE

Eu costumo dar a dica do “Kit vigile”.

É engraçado, mas é uma dica indispensável!

E calma, não estou falando de nenhum brinquedo não…

Imagine o seguinte: você está aguardando o vigile – e um dos trabalhos dele é chegar de surpresa, ok!

Daí, de repente, toca a campainha.

Ele vai te chamar pelo sobrenome, pois é assim na Itália; você vai encontrá-lo, geralmente, com uma pastinha na mão porque quando você fez o pedido de residência uma das vias da sua “ficha de solicitação” que foi impresso na hora vai para a mão do vigile e assim ele vai confirmar se “você é você”.

Se caso você estiver morando em um apartamento no segundo ou terceiro andar, nem espere ele subir, vá descendo ao encontro dele, com o kit, para não correr o risco dele estar com pressa e não querer subir!

Normalmente ele pede o seu passaporte para confirmar se “você é você”, seu nome, sobrenome, etc.

Aí que entra a necessidade do “Kit”.

Fabio comenta que, quando era consultor na Itália, presencialmente, recebia clientes e dava este conselho: “ao receber o vigile, antes de abrir a porta, não saia sem o passaporte, a chave da casa e celular!

Uma das coisas que aconteciam de tempos em tempos era o cliente ficar preso para fora de casa. Isso porque, na Itália, a maioria das portas quando batem, fecham, não tem maçaneta, então você precisa abrir com a chave.

E se sair correndo para encontrar o vigile e depois não conseguir entrar em casa porque esqueceu a chave lá dentro?

Como fará para mostrar a ele o passaporte ou se ele pedir para entrar?

Outra coisa é o cliente não conseguir falar em italiano com o vigile, pois muitas pessoas que contratam o consultor é porque não falam o idioma.

Por isso o é importante o celular, porque se você tiver contratado um consultor deverá ligar imediatamente para ele te ajudar a falar com o vigile, caso necessário.

Tem alguns vigiles que somente ao te ver perguntam: “Você é o signore Barbiero?”, por exemplo, já cumprimentam e vão embora, nem pedem para entrar no imóvel.

Outros dizem “vou te acompanhar” e pedem para entrar, inclusive no quarto onde você está dormindo. Aliás, este é o procedimento correto!

Ele vai entrar no apartamento, olhar tudo, pegar sua ficha, pegar o seu passaporte, verificar que “você é você”, perguntar qual é o seu quarto, pedir para entrar no quarto, vai olhar para verificar se está tudo certo, a metragem do quarto e do espaço, perguntar quantas pessoas vivem lá, e se houver qualquer dúvida é possível que ele queira falar com o proprietário do imóvel ou a imobiliária que te alugou, ou quem te hospedou, ou ainda o consultor que te hospedou.

Mas, basicamente, ele fará duas perguntas:

1) quantas pessoas habitam no mesmo imóvel, vai anotar no papel (sua ficha);

2) se você trabalha e/que você estuda, mas quando ele pergunta sobre trabalho e estudo é na Itália, não sobre suas atividades no Brasil ou outro lugar, ok!

Porque durante o processo de cidadania a pessoa não pode trabalhar e estudar, lembre-se disso! Pode ser que ele faça uma piadinha sobre isso, do tipo: “mas como você faz para viver, sem trabalhar?”

Mas diga que está lá com este objetivo de fazer o processo ou que é um italiano nascido no Brasil.

Você precisa ouvir no final:

“Tutto a posto! Va bene!”

Ver um “joinha”, mas se ouvir algum “non”, pronto: deu “ruim”!

Significa que ele encontrou alguma coisa que está fora dos critérios da residência e você não receberá o “accertamento”, ou a confirmação.

Lembrando, mais uma vez, que ele vai apenas averiguar, confirmar as informações que você deu ao solicitar a residência para então passar ao oficial do Ufficio Anagrafe para os devidos trâmites de conceder ou não a sua residência no comune.

O vigile foi enviado lá a pedido do oficial do Ufficio Anagrafe para relatar o que encontrou, o que viu.

Por exemplo, “fui lá e não encontrei a pessoa”, ou “fui lá e o imóvel é minúsculo e mora cinco pessoas em uma casa que só comporta duas”, ou seja, o vigile vai relatar o que viu, vai dar satisfações ao funcionário público do Ufficio Anagrafe, que é quem vai decidir se vai autorizar ou não a sua inscrição como residente. 

E essa é uma das etapas cruciais do processo, pois somente depois que ele te “conceder” essa residência você poderá, em seguida, dar entrada no pedido de reconhecimento, além de outros direitos como residente.

Ele pode, por exemplo, pedir para o vigile voltar para esclarecer alguma coisa com você e, se não te encontrar, a próxima “visita” poderá demorar.

Por isso a gente brinca que a pessoa deve ficar em “cárcere privado” até o aval final emitido pelo Ufficio Anagrafe.

O vigile geralmente passa das oito ou nove horas da manhã até umas dezoito horas de segunda a sábado, dentro de um prazo de 45 dias (em torno de, geralmente é antes).

Assim, dá pra sair depois deste horário e aos domingos, sem problemas!

O importante é estar no imóvel no horário que ele pode passar.

Você pode perguntar:

“Fabio, como é que eu vou saber disso?”

Resposta: você deve perguntar quando for fazer o seu pedido de residência.

Assim: “Signore, uma domanda, che ora passa Il vigile?”

E ele ou ela vai te responder qual é o horário de  trabalho do vigile no comune que você estiver.

Em suma, na prática, a visita do vigile não costuma demorar mais que cinco minutos.

Ele vai te cumprimentar, fazer algumas perguntas e poderá pedir ou não para conhecer o imóvel por dentro (que é o correto), porque ele tem várias residência para confirmar.

Por isso se você está com tudo certo em relação ao imóvel que está instalado, só precisa ter o cuidado de não se desencontrar com o vigile!

DICAS PARA SE DECLARAR NO DIA DOS NAMORADOS

san valentino

Como hoje o tema foi San Valentino, vamos terminar o Italiacast dando algumas dicas de como você pode se declarar em italiano:

  • 1 – Ti amo. – Eu te amo (romanticamente).
  • 2 – Nei tuoi occhi c’è il cielo. – O céu está nos seus olhos.
  • 3 – Tu sei il sole del mio giorno. – Você é o sol do meu dia.
  • 4 – Sei la mia anima gemella. – Você é a minha alma gêmea.
  • 5 – Mi hai cambiato la vita. – Você mudou a minha vida.
  • 6 – Ti penso sempre! – Sempre penso em você!
  • 7 – Sei l’unico/a per me. – Você é único(a) por mim
  • 8 – Sono innamorato/a di te. – Estou apaixonado(a) por você.
  • 9 – Sei tutto per me. – Você é tudo para mim.
  • 10 – Sono pazzo/a di te. – Sou louco(a) por você.
  • 11 – Sei l’uomo/la donna dei miei sogni. – Você é o homem/ a mulher dos meus sonhos.
  • 12 – Voglio invecchiare con te. – Quero envelhecer com você.
  • 13 – Da quando ti conosco la mia vita è un paradiso. – Desde que te conheci, a minha vida tem sido um paraíso.
  • 14 – Dammi un bacio. – Dê-me um beijo.
  • 15 – Ti voglio sempre al mio fianco. – Te quero sempre ao meu lado.
  • 16 – Non posso vivere senza di te. — Não posso viver sem você.
  • 17 – Potrei guardarti tutto il giorno. – Poderia olhar para você o dia todo.
  • 18 – Tesoro mio! – Meu tesouro!
  • 19 – Cuore mio! – Meu coração!
  • 20 – Ho un debole per te. – Tenho um fraco por você.
  • 21 – Sono dipendente dei tuoi baci. – Sou dependente dos seus beijos.
  • 22 – Sei tutto cio’ di cui ho bisogno. – Você é tudo o que eu preciso.
  • 23 – Sei come l’acqua nel deserto per me. – Você é como água no deserto para mim.
  • 24 – Sei il mio incantesimo! – Você é o meu feitiço/encanto!
  • 25 – Sono attratto/a da te. – Estou atraído(a) por você.

Buon Giorno di San Valentino!

No ITALIACAST #16, um dos dias mais especiais no nosso calendário: O DIA DO IMIGRANTE ITALIANO, comemorado dia 21 de fevereiro. 

E no quadro Cidadania Italiana, sim! Como se desenvolve o processo de reconhecimento da cidadania italiana na Itália?

E já sabe: no Portal tem todas as informações que você precisa para pôr em prática o que tá faltando para o seu processo.

Escolha abaixo como acompanhar o Italia Cast:

OUÇA O EPISÓDIO DO DIA DOS NAMORADOS NA ITÁLIA:

Apple | Spotify | Deezer | Link Geral

VERSÃO VIDEOCAST

Clique no link abaixo para acessar o vídeo no Youtube:

https://youtu.be/aP8C_Zvzynw

LINKS CITADOS NO EPISÓDIO SOBRE VENEZA

Italiacast #13

Residência na Itália – Parte I

Residência na Itália – Parte II

Circolare 32 

Visto Para Entrar na Europa 2021 | Saiba Tudo Sobre Ele (Espaço Schengen)

Os 5 Passos Para Reconhecer a Cidadania Italiana em 2020

Alugar uma casa na Itália – Cuidados Importantes

Como Evitar Problemas com a Residência na Itália

A Declaração de Presença

A Declaração de Hospedagem

Descubra seu Onomástico

GOSTOU DO ITALIACAST?

Todos nossos esforços estão voltados para te ajudar, através do compartilhamento do maior número de informações a respeito do nosso querido país.

E este é um canal de mão dupla: nós prometemos te entregar o nosso melhor, e em troca você compartilha suas impressões, experiências, feedback e comentários conosco.

Por isso te pedimos duas coisas:

1 – Deixe sempre um comentário abaixo do episódio (seja no Youtube, Podcasts ou aqui mesmo no Portal) para que saibamos as suas impressões

2 – Compartilhe com o maior número de pessoas que você conhece, assim você nos ajuda com nosso propósito que é atingir o maior número possível de pessoas, combinado?

Então bóra compartilhar este episódio nas suas redes sociais, basta utilizar os botões abaixo 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.